Senador da PB vota contra Fundo Especial de Financiamento de Campanha

Escrito por em 27 de setembro de 2017

O senador Raimundo Lira (PMDB) revelou que sempre se manifestou contra o projeto de lei, aprovado na noite dessa terça-feira (26), que institui o Fundo Especial de Financiamento de Campanha, que poderá valer para as eleições de 2018. A fonte de recursos virá de 30% do total das emendas parlamentares de bancada. O projeto segue agora para análise da Câmara dos Deputados. A estimativa é que esse fundo tenha R$ 1,8 bilhão.

Lira disse que como líder liberou a bancada já que tinham alguns senadores que queriam votar a favor. Na última votação, que foi simbólica, o senador assinou um requerimento junto com outros senadores se manifestando totalmente contra a criação deste fundo.

“Vai somente aumentar o caciquismo político no país. E o Brasil precisa melhorar o seu sistema político. Eu acho que a criação do fundo vai piorar”, disse Lira.

O senador disse também que os políticos brasileiros respeitar a realidade brasileira e aprender a fazer campanha com pouco dinheiro.

Na última eleição majoritária do país, em 2014, eu peguei o deputado que mais gaastou dinheiro na sua campanha, declarado ao TSE, e esse dinheiro dava para eleger 60 deputados federais na França”, explicou.

 

 

Com ClickPB

Opiniões do leitor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *


Ao vivo

Maringá FM

Current track
TITLE
ARTIST