Depoimento de Berg Lima em processo de cassação é adiado após divulgação de novo vídeo

Escrito por em 10 de janeiro de 2018

O depoimento do prefeito afastado de Bayeux, Berg Lima, na comissão processante que analisa seu pedido de cassação foi adiado para o dia 31 de janeiro. A Câmara Municipal de Bayeux iria colher o depoimento de Berg nesta quarta-feira (10).

A mudança na data do depoimento aconteceu após a divulgação de um novo vídeo flagrando a suposta negociação de propina entre Berg Lima e um empresário de Bayeux. O vídeo foi divulgado na manhã de hoje e causou alvoroço na esfera política.

O depoimento a ser prestado por Berg é relacionado ao segundo pedido de cassação protocolado na Câmara de Bayeux, que diz respeito a uma denúncia de contratação de funcionários fantasmas e irregularidades no aluguel de veículos. No mês de dezembro os vereadores decidiram absolver Berg Lima das acusações de recebimento de propina.

Berg Lima foi preso no mês de julho de 2017 após ter sido flagrado em vídeo supostamente negociando propina com o empresário. A defesa sustenta que o fato na verdade tratava-se do pagamento de um empréstimo que havia sido feito por Berg ao empresário.

No entanto, a denúncia do Ministério Público sustenta que a Prefeitura de Bayeux tinha uma dívida com a empresa de João Paulino no valor de R$ 77 mil. A empresa fornecia alimentação para o município. O prefeito afastado Berg Lima teria exigido R$ 11,5 mil para quitar a dívida, sendo que já tinha recebido R$ 8 mil, incluindo os R$ 3 mil pagos no dia em que o vídeo foi gravado.

 

 

Com ClickPB


Opiniões do leitor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *


Ao vivo

Maringá FM

Current track
TITLE
ARTIST